Ir para o conteúdo
Início
/
Notícias
15-09-2022

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) comemora esta quinta-feira, dia 15 de setembro, o seu 43.º aniversário.

Considerado uma das maiores conquistas da democracia portuguesa, o SNS foi criado pela Lei n.º 56/79 que concretizou o direito à proteção da saúde, à prestação de cuidados globais de saúde e o acesso a todos os cidadãos, independentemente da sua condição económica e social.

Para assinalar esta data, várias entidades do SNS realizam iniciativas que visam comemorar este importante marco.

CHL planta «Oliveira SNS» em Leiria

O Centro Hospitalar de Leiria (CHL) assinala o aniversário do SNS com a plantação e rega simbólica da «Oliveira SNS» na rotunda na Avenida da Comunidade Europeia, em Leiria.

Esta iniciativa decorre na manhã do dia 15 de setembro e conta com o apoio da Câmara Municipal de Leiria e da Liga dos Amigos dos Hospitais da Universidade de Coimbra (LAHUC).

A plantação da «Oliveira SNS» teve início em 15 de setembro de 2009, dinamizada pela LAHUC, com a plantação de uma oliveira em Coimbra, como forma de homenagear o fundador do SNS, António Arnaut. A oliveira foi a árvore escolhida por ser um símbolo de resiliência. Leiria junta-se agora a mais de 15 localidades com esta «Oliveira SNS» e o objetivo da LAHUC é chegar a todos os municípios.

Todos os anos, no dia 15 de setembro, as «Oliveiras SNS» são regadas pelos responsáveis de cada localidade, num ato simbólico de crescimento e cuidado destas árvores, que representam a resiliência do SNS e dos seus profissionais.

Exposição de fotografia da ARS Algarve assinala efeméride

A exposição de fotografia «A Pandemia pelo Olhar dos Cuidados de Saúde», organizada pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve, integra as comemorações do aniversário do SNS e procura retratar os momentos vividos nas unidades da região, ao longo da pandemia de Covid-19.

A inauguração será no dia 16 de setembro, pelas 17 horas, no Mar Shopping Algarve, em Loulé, e ficará patente até dia 29 de setembro.

Os trabalhos em exposição têm a particularidade de nascer pela lente de dois profissionais de saúde – Miguel Gonçalves, fotógrafo e enfermeiro no Centro Hospitalar Universitário do Algarve, e Lília Nunes dos Reis, fotógrafa e enfermeira especialista em Enfermagem Comunitária na Unidade de Saúde Pública do Agrupamento dos Centros de Saúde Algarve I – Central.


Partilhar:
commodo tempus felis et, neque. diam justo risus. at mattis dolor libero